Em Comissão da Agricultura e Pecuária representantes da Receita Federal e Procuradoria Geral da Fazenda afirmam que há meios para extinção da dívida. Deputada do Governo fará ponte para encontro com Paulo Guedes e Ministra Tereza Cristina.

 

Uma dívida de mais de R$11 bilhões com o Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural – Funrural foi tema de sessão da Comissão da Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural nesta quarta, 26, na Câmara dos Deputados. O procurador-geral adjunto de Gestão da Dívida Ativa da União e do FGTS, Cristiano Neunschwander Lins de Morais afirmou na reunião que existem alternativas técnicas e jurídicas para o governo fazer a remissão do passivo do Funrural.

 

A Comissão pediu uma reunião conjunta com o Ministro Paulo Guedes e Ministra Tereza Cristina para definirem a forma da extinção da dívida para o dia 9 de outubro. A Deputada Federal do Paraná Aline Sleujtes PSL-PR será uma das articuladoras entre a Frente Parlamentar da Agropecuária, Comissão da Agricultura e o Governo. “É um momento de união pelo Brasil, pelo agro e pela solução desse problema, para que venha o merecido alívio do agricultor que é a base da economia desse país”.

 

A cobrança aos produtores seria uma catástrofe para setor que já está com dificuldades de pagar seus investimentos e manter suas produções. Várias entidades estiveram presentes na reunião e deixaram claro a urgência da solução, para que se mantenha a viabilidade da produção. “Nós estamos sem margem de renda. Não tem como o produtor assumir uma dívida retroativa que é um absurdo”, afirmou o presidente da Aprosoja Mato Grosso, Antônio Galvan.

 

Com a resposta positiva dos órgãos ouvidos na Comissão, a Deputada Aline Sleutjes acredita num entendimento com o Ministro Paulo Guedes , Ministra Tereza Cristina para que a questão seja resolvida. Ela destacou a força de trabalho do Governo Bolsonaro e mostrou confiança para a reunião do próximo dia 9. “Vemos um esforço incomum desse Governo, um Presidente operado que no dia seguinte está sancionando lei, Ministra Tereza Cristina, abrindo mercados que há 20 anos não eram explorados, tenho certeza que o Ministro Paulo Guedes terá a sensibilidade de apoiar o produtor rural, tão importante para a estabilidade e melhoria da economia do país”.

Subscribe
Notify of
guest