A deputada federal Aline Sleutjes, do Paraná, foi às ruas de Brasília na tarde deste domingo (25) a favor do presidente da República, Jair Bolsonaro, e em defesa do Brasil e do povo brasileiro. Em transmissão ao vivo em suas mídias sociais, a parlamentar falou para um grande grupo de apoiadores em frente ao Congresso Nacional, após participarem de uma carreata, cantarem o hino nacional e fizeram orações pelo país. Assista ao vídeo ao final deste texto.

 

A více-líder do governo Bolsonaro iniciou o discurso pedindo para que o povo brasileiro não se divida em consequência dos acontecimentos recentes, que culminaram nas saídas dos ex-ministros Sérgio Moro e Luiz Henrique Mandetta. “Estamos passando por dias difíceis. Começamos com uma crise epidêmica, estamos passando por uma crise econômica e agora entramos em uma crise política. Quero pedir a vocês, povo brasileiro, que não nos dividamos.”

 

Segundo Aline, a esquerda promoveu uma divisão entre negros e brancos, ricos e pobres, cristãos e não cristãos, homens e mulheres, isso é o que ela sempre lutou, para promover um enfraquecimento dos cidadãos e da direita. “Não podemos cair neste plano. Enquanto nós estamos brigando: quem é a favor do Moro e quem é a favor Bolsonaro, o único a ganhar é a esquerda”, disse. E continuou: “Vamos parar de ficar colocando no palanque quem é mais importante ou quem fez o melhor serviço. Nós somos brasileiros e amamos este país. Quantas vezes saímos com nossas bandeiras, com nosso rosto pintado, para defender essa nação? E nós vencemos e estamos aqui.”

 

Filha do município paranaense de Castro, na região dos Campos Gerais, a deputada Aline Sleutjes lembrou que lutou por 20 anos para chegar ao posto de deputada federal e que não será agora que deixará de lutar pelo Brasil. “Em 315 anos da minha cidade, nunca fizemos uma deputada. Eu não vou desistir deste país e do nosso presidente. Eu sou daquela ala do PSL que está suspensa, que está ignorada, que não aceitou os acertos e que não traiu o presidente Bolsonaro.”

 

Aline Sleutjes exaltou a honestidade de Bolsonaro e lembrou os desafios que o presidente enfrentou para chegar onde chegou em defesa da nação. “Este homem é cristão, este homem quase perdeu a vida por nós. Às vezes me perguntam e me pressionam nas redes de que lado vou ficar. Se é do lado do Moro, se é do lado do Bolsonaro, eu ficarei do lado do Brasil. E o lado do Brasil hoje é do presidente Bolsonaro. É ele quem governa este país por nós todos os dias, é ele quem enfrenta todas as pressões, é ele quem luta contra essa mídia marrom, é ele quem está dando seu melhor por esta nação .”

 

A deputada federal lembrou sobre as dificuldades que o comunismo gera em países como Cuba e Venezuela e alerta para que o Brasil não siga pela mesma direção, se o povo se deixar abater e não se unir em momentos difíceis como o atual, não somente político, mas sanitário. “Nós sabemos os problemas desse povo. Além de sofrer com o corona, sofrem com a fome, insegurança e com o desemprego nesse momento. Nós vamos superar o coronavírus , porque nós somos um povo cristão e a ciência vai nos ajudar. Já temos medicamentos e logo teremos vacina. Vai ser só mais um desafio, para fortalecer o povo brasileiro, que é um povo honesto, um povo aguerrido, um povo lutador, que não desiste.”

 

Juntos somos mais fortes!

 

#FECHADOCOMBOLSONARO

Posted by Aline Sleutjes on Sunday, April 26, 2020

 

 

 

Subscribe
Notify of
guest