O Sistema CNA/Senar e os Ministérios do Desenvolvimento Regional (MDR) e da Agricultura (Mapa) promoveram, hoje (15), o debate ‘Irrigar é Alimentar’ para discutir ações que fortaleçam a agricultura irrigada e o desenvolvimento sustentável da produção de alimentos.

O setor de agricultura, pecuária, abastecimento e desenvolvimento rural quer tornar a data, 15 de junho, o Dia Nacional da Agricultura Irrigada para dar maior visibilidade a pauta do Agro nacional e criar oportunidades de debate com a sociedade sobre segurança alimentar, economia rural e ambiental colaborativa do Brasil.

O evento online ocorreu das 9h às 12h nesta terça-feira (15), com dois painéis que debateram sobre a importância da agricultura irrigada nas áreas de alimentação, economia e política, bem como os desafios do setor no país.

O evento contou com a participação do presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), João Martins, da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, do ministro do Desenvolvimento, Rogério Marinho, da Presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR) da Câmara dos Deputados e Vice-Líder do Governo no Congresso, deputada federal Aline Sleutjes, Deputados José Mário e José Vitor, do presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado Sérgio Souza e da Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Tereza Cristina.

Em dois painéis com os temas: agricultura irrigada como vetor para a segurança alimentar, econômica e ambiental do Brasil, com a participação do ex-ministro da Agricultura, Alysson Paolinelli, indicado ao Prêmio Nobel da Paz, e representantes da Agência Nacional de Águas (ANA) e do Mapa, e os desafios da agricultura irrigada, com a presença de parlamentares.

Além do debate, as entidades do setor agrícola lançaram no evento a Rede Nacional de Irrigantes (RNAI), que contou com apresentação do pesquisador da Embrapa, Lineu Neiva Rodrigues.

O Ministério do Desenvolvimento Regional pasta comandada pelo Ministro Rogério Marinho é o responsável pela condução da Política Nacional de Irrigação, prevista na Lei 12.787, de 11 de Janeiro de 2013.

A data está sendo comemorada pela primeira vez e os representantes do setor estão otimistas com os próximos anos para a agricultura irrigada no Brasil, com estimativa de crescimento da produção.

A Presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados, deputada Aline Sleutjes se mostrou confiante com a atuação e formulação de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento tecnológico do setor do agro e de recursos hídricos em função do agro brasileiro, lembrou da experiência bem sucedida de Israel que investe altíssima porcentagem do PIB (Produto Interno Bruto) em tecnologia, chegando a 4,3% o maior do mundo, transformando a realidade de um país que tem 50% da sua área desértica. Lembrou das experiências nacionais bem sucedidas, como os projetos de irrigação do rio São Francisco , do Programa Água Doce implementado no Estado do Goiás em Mato Grosso, levando produtividade, eficiência e ganhos para o homem e mulher do campo. A parlamentar registrou que o Agro brasileiro é forte mas podemos avançará ainda mais, observando o Projeto de lei (PL) proposto pelo Deputado Zé Vitor e tornando esse dia um marco para a segurança ambiental e jurídica, para que as políticas públicas cheguem onde devem, nos quartos cantos do país, nos lugares mais necessitados. Disse ainda que segundo o Banco do Brasil, entidade que ela esteve em reunião com o Presidente na semana passada, o nosso plano safra será o melhor da história do Brasil.

Como Presidente da Comissão da Agricultura, Pecuaria, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPDR) da Câmara dos Deputados, a parlamentar está muito confiante com essas perspectivas, “temos a responsabilidade de deixar o Brasil melhor do que pegamos, aumentando nossa produtividade , com eficiência, responsabilidade e sustentabilidade, disponibilizando novas alternativas para as regiões que sofrem pela escassez de água, trazendo um novo olhar a esse tema que é tão especial para o crescimento do nosso país.” finalizando sua fala no evento com solidez e confiança em uma postura altiva e de implementação de diretrizes para uma melhor produção agrícola nacional.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments