Primeira mulher eleita deputada federal na região de Campos Gerais, no Paraná, Aline Sleutjes chega a Câmara Federal referendada por mais de 33 mil votos – um aval conquistado com muitas lutas, travadas na seara política e, principalmente, na educação.
A maior delas? Um Brasil mais justo!
Um país que cresça de forma sustentável – respeitando trabalhadores, produtores; acolhendo portadores de necessidades especiais e formando brasileiros capazes de seguir construindo uma nação mais justa.
Aline acredita que reúne as condições necessárias para travar essa batalha histórica:
“Sou extremamente dedicada, lutadora, crítica e honesta. Luto pelos meus ideais. Sonho com uma sociedade mais justa e feliz. Através de muito esforço, comprometimento e trabalho desejo – e vou – alcançar esses objetivos”.

Castro, Campos Gerais - Paraná

As batalhas de Aline começaram em Castro, sua cidade natal, como educadora. Das salas de aulas, chegou à política – onde já constrói uma história de mais de duas décadas.
Foi vereadora por duas vezes, concorreu a cargos de vice prefeita, prefeita e deputada estadual.
Casada, mãe, graduada em Educação Física, pós graduada em Gestão Escolar, vice-presidente do PSL Mulher Nacional e presidente do PSL mulher PR, Aline tem ciência de que tudo o que viveu até aqui servirá de “munição” nas batalhas que travará ao longo de seu primeiro mandato na Câmara Federal.
No primeiro instante, no primeiro ato, fez questão de proclamar quais serão essas batalhas:
Diante do Plenário Ulysses Guimarães, proclamou as principais lutas que vai encarar pelos próximos quatro anos:

O Agronegócio.
O Cooperativismo.
A Educação.
A defesa dos direitos das pessoas com deficiência.
Das mulheres.
E a valorização da família. 
“Luto pelo que acredito: e acredito na força da mulher, no poder de transformação da educação e no potencial de quem produz para o crescimento do Brasil”.